Insights

Cabelo, cabeleira, cabeluda, descabelada: o que as mulheres preferem?
Artigo

Cabelo, cabeleira, cabeluda, descabelada: o que as mulheres preferem?

{“order”:4,”name”:”pubdate”,”attributes”:{“sling:resourceType”:”nielsenglobal/components/content/publishdate”},”children”:null}

Além de um elemento estético, o cabelo faz parte da construção da identidade da mulher. As madeixas variadas podem representar diferentes estilos de vida, gerações e hobbies. Mas afinal, o que elas preferem? Segundo recente estudo da Nielsen, para 38% das mulheres brasileiras o cabelo natural é o ideal. Quanto mais confortáveis com o seu cabelo da forma como ele é, menos propensas estão a realizar qualquer tipo de procedimento de beleza, mesmo que envolva coloração.

O estudo também aponta que 54% está satisfeita com o cabelo atual – a concentração está no tipo liso e também cacheado, que é a grande aposta de tendência. A vontade de assumir os cachos aumenta, uma vez que 17% das mulheres consideram o cabelo cacheado ideal, mesmo que apenas 13% delas o utilizem dessa forma atualmente. Essa realidade já está presente nos pontos de vendas, onde têm crescido a presença de produtos para cabelos naturais e encaracolados.

Quando buscam mudar o estilo de seu cabelo, elas preferem ficar mais próximas do seu tipo natural, o que faz com que a tendência de cachos seja mais comum entre mulheres com cabelo crespo e menos frequente entre as de cabelo liso. Em relação ao estilo de vida, o estudo mostra que as mulheres que curtem praia estão mais propensas em colorir as madeixas (possível foco nas famosas “californianas” – quando os fios ganham um tom degradê bem suave), enquanto as praticantes de esportes não são tão adeptas à mudanças.