Comportamento de consumo do brasileiro no Carnaval

FMCG e Varejo | 01-03-2019

Carnaval contribui com o crescimento das vendas no varejo, com destaque para categorias de Bebidas, Refrigerantes, Salgadinhos, Repelentes e Caixas Térmicas.

Carnaval é uma das principais datas sazonais do ano para as vendas de produtos de giro rápido (FMCG), junto com a Páscoa, Dia das Mães, Black Friday e Natal.

Em 2018, as grandes cadeias varejistas faturaram R$ 9,8 bilhões nas semanas de Carnaval (04-18 de Fevereiro/18) e, durante a semana pico (11-18), venderam 22% a mais em valor do que a média semanal do ano. Os canais Autosserviços e Cash&Carry (atacarejo) foram os principais destaques do varejo brasileiro, apresentando um crescimento de 6,3% e 7,9%, respectivamente, em relação ao período pré-Carnaval.

Cash&Carry foi o canal varejista que mais contribuiu com o crescimento em valor do varejo ao longo período com 44%, enquanto o Supermercado, focado em promoções, contribuiu com 35% das vendas.

Bebidas foi a cesta que mais impulsionou o crescimento em valor, com destaque para as categorias de Cerveja (58,2%) e Refrigerantes (9,6%). Alimentos foi a segunda cesta que mais contribuiu, com destaque para as categorias de Industrializados de Carne (6,1%) e Salgadinhos (3,4%).

O Carnaval também contribui para outras categorias da cesta de Higiene e Beleza, como Repelentes, Bronzeadores e Inseticidas, bem como Recipientes Térmicos, da cesta Bazar, cujas vendas apresentam crescimento ao longo de todo o período de Verão no Brasil.