Insights

Estudo Global: Confiança do Consumidor – Segundo Trimestre
Report

Estudo Global: Confiança do Consumidor – Segundo Trimestre

{“order”:6,”name”:”pubdate”,”attributes”:{“sling:resourceType”:”nielsenglobal/components/content/publishdate”},”children”:null}

A confiança do consumidor global foi estável no segundo trimestre de 2016, com um índice de 98, o mesmo em relação ao primeiro trimestre.

• Na América do Norte, a confiança do consumidor permaneceu em um nível otimista com pontuação de 113, um aumento de três pontos em relação ao primeiro trimestre.

• Na Europa, nas semanas antes do referendo sobre a saída do Reino Unido da União Europeia, a confiança estava amplamente estável em 79, mostrando aumento de um ponto em comparação com o primeiro trimestre. As maiores economias da região se mantiveram essencialmente estáveis; ao passo que, países nórdicos e do leste europeu mostraram aumento na confiança do segundo trimestre.

• Na Ásia-Pacífico, a confiança foi relativamente estável, ficando em 107, queda de um ponto em relação ao primeiro trimestre. A pontuação da China aumentou em um ponto, indo para 106, enquanto a pontuação das Filipinas se destacou com crescimento de dois dígitos, subindo para 132 no segundo trimestre.

• Na América Latina, a confiança se manteve em 78, não mudando em comparação com o primeiro trimestre. A pontuação do Brasil ficou estável em 74, e a pontuação do Peru cresceu 11 pontos, indo a 102.

• No Oriente Médio/África, a confiaça se estabilizou em 89, com aumento de um ponto em relação ao primeiro trimestre. Os Emirados Árabes Unidos reverteram de quatro pontos de declínio no primeiro trimestre para cinco de aumento, chegando a 109.

ACERCA DEL ESTUDIO

A Pesquisa Global da Nielsen sobre a Confiança do Consumidor e as Intenções de Gastos foi realizada entre 9 a 27 de maio de 2016, e consultou mais de 30.000 consumidores on-line em 63 países distribuídos pela Ásia-Pacífico, Europa, América Latina, Oriente Médio e África e América do Norte. A amostra inclui usuários de Internet que concordaram em participar da pesquisa e tem quotas com base em idade e sexo para cada país. Foi ponderada para ser representativa dos consumidores da Internet por país. Pelo fato da amostra estar baseada naqueles que concordaram em participar, não é possível calcular estimativas de erros teóricos de amostragem. Entretanto, uma amostra de probabilidade de tamanho equivalente teria uma margem de erro de ±0.6% em âmbito global. Esta pesquisa Nielsen está baseada apenas no comportamento de respondentes com acesso à Internet. As taxas de penetração de Internet variam conforme o país. A Nielsen utiliza um padrão de apresentação de relatório mínimo de 60% de penetração de Internet ou uma população on-line de 10 milhões para inclusão de pesquisa. O Índice de Confiança do Consumidor da China é compilado a partir de uma pesquisa distinta de metodologia mista, entre 3.500 respondentes na China. Os países africanos subsaarianos neste estudo são compilados a partir de uma pesquisa distinta de metodologia móvel, entre 1.600 respondentes em Gana, Quênia e Nigéria. A Pesquisa Global Nielsen, que inclui o Índice de Confiança do Consumidor Global, foi estabelecida em 2005.

Baixar One Page

Baixar One Page

Estudo Global: Confiança do Consumidor – Segundo Trimestre

To access the full report, please provide the following info:

Pressionando o botão “Enviar”, concorda com nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Uso.