Imprensa

Para manter a qualificação do consumo, brasileiro procura canais de venda com preços competitivos

Neste cenário, Nielsen aponta Farma e Atacarejo como destaques na opção de compra dos brasileiros

São Paulo, Brasil (outubro de 2013) – De acordo com as Cestas da Nielsen (www.br.nielsen.com), provedora global de informações e insights sobre o que o consumidor assiste e compra, no último semestre, o consumo brasileiro apresentou retração em volume (2,6%) e um crescimento em faturamento (1,9% deflacionado), mantendo a tendência de crescimento dos últimos anos. Arlete Soares Corrêa, gerente de análises especiais, esclarece que o mercado passou por um período de preocupação para entender se o brasileiro, mais endividado e sentindo o reflexo da inflação, deixaria de consumir com a qualificação que o conquistou nos últimos tempos. “Ao avaliar o desempenho das Cestas Nielsen, percebemos que os segmentos de produtos de maior valor continuam apresentando desempenho superior aos demais, mas, para manter o orçamento, o consumidor busca lojas com preços mais competitivos”, pontua a gerente.

Na busca por preço, o consumidor vem recorrendo ao canal Farma e ao Cash&Carry, popularmente conhecido como Atacarejo, uma vez que, respectivamente, estão com 58% e 83% dos itens mais baratos quando comparado aos mesmos itens nas lojas de autosserviços. “O Canal Farma tem sido impulsionado, primordialmente, pelas classes C1 e C2 e o Atacarejo B2 e C1. Para atender a demanda, ambos apresentam um aumento no número de lojas e de sortimento”, afirma a executiva.

Categorias como fraldas infantis, shampoos, condicionadores e pães industrializados são exemplos da qualificação do consumo nas cestas de higiene e alimentos.

Classes sociais – A classe C continua impulsionando o gasto das famílias brasileiras e contribui com 48% deste crescimento, enquanto A e B contribuem com 32% e D e E com 20%.

Sobre a Nielsen

Nielsen Holding N.V. (NYSE: NLSN) é uma empresa global de informação e pesquisa com posições de liderança nos mercados de marketing e informação do consumidor, televisão e mensuração de outros meios de comunicação, inteligência online e pesquisa de celulares. A Nielsen está presente em, aproximadamente, 100 países, com sedes em Nova Iorque, EUA, e Diemen, Holanda – Países Baixos. Para mais informações, por favor, visite www.nielsen.com.