Imprensa

O grande consumo em Portugal cresce 1,3% no segundo trimestre em sintonia com a melhora económica do país

  • Evolui a melhor ritmo do que as três grandes economias europeias – França, Itália e Reino Unido
  • Os preços baixaram 0,4% neste período

Lisboa, 09 de setembro de 2015 – O segundo trimestre de 2015 registou um crescimento de 1,3% no mercado de grande consumo em Portugal, comparativamente ao período homólogo, de acordo com o relatório “Growth Reporter” elaborado pela Nielsen. Este valor consolida o aumento de 0,5% verificado no primeiro trimestre e confirma a mudança de dinâmica, depois de um segundo semestre negativo em 2014. Além disso, este aumento de 1,3% está em linha com a evolução da economia Portuguesa, que registou um crescimento do PIB de 1,5% (valores estimados pelo INE), entre abril e junho, em comparação com o mesmo período do ano passado.

A análise da Nielsen constatou um cenário de ligeira deflação, com uma diminuição dos preços de 0,4%. Desta forma, os consumidores portugueses conseguem comprar mais por menos.

Melhor que as três grandes

Segundo o “Growth Reporter”, a melhoria no consumo interno faz-se evidenciar pelo seu ritmo de crescimento, que foi superior ao de três das cinco maiores economias europeias. França e Itália cresceram a um ritmo de 0,6% e 0,4%, respectivamente, enquanto o Reino Unido perdeu 0,8% num contexto de deflação. Apenas Espanha, com um aumento de 2%, e Alemanha, com 1,5%, registaram melhores resultados que o mercado português.             

Portugal registou um ponto a menos em comparação com a evolução do mercado de grande consumo em toda a Europa, que registou uma melhoria de 2,4% no período em análise. 

Segundo o director geral da Nielsen Ibéria, Gustavo Núñez, “o consumo em Portugal vai estabilizando, pouco a pouco, durante a primeira metade de 2015, depois de um semestre homólogo negativo. Esta estabilidade atual do mercado atribui-se, em parte, a uma ligeira melhora da confiança dos consumidores que, segundo o nosso próprio Índice de Confiança do Consumidor, cresceu dois pontos em junho, comparativamente ao final de 2014.”

Acerca do relatório

O relatório “Growth Reporter” da Nielsen compara as dinâmicas de mercado (valor global de vendas e crescimento) no setor de bens de consumo em toda a Europa. Baseia-se na medição de vendas feita pela Nielsen em 21 mercados na Europa e abrange as vendas em canais de Hipermercados, Supermercados e lojas tradicionais. Baseia-se num conjunto amplo de categorias medidas de forma contínua em cada um desses países e canais, entre os quais se encontra Portugal.

Acerca da Nielsen

A Nielsen N.V. (NYSE: NLSN) é uma empresa global  de gestão de informação, que proporciona uma visão completa sobre o que o consumidor vê e compra. A área Watch da Nielsen oferece aos seus clientes de media e publicidade, serviços de medição de audiência (Total Audience) de qualquer dispositivo, em que é possível ter acesso a conteúdos (vídeo, áudio, texto). A área Buy oferece aos fabricantes y retalhistas de bens de grande consumo uma visão global única do desempenho da indústria. Ao integrar informação das áreas de Watch, Buy e outras fontes de dados, a Nielsen disponibiliza aos seus clientes  uma medição de primeiro nível, bem como análises avançadas que contribuem para o crescimento do negócio. A Nielsen, empresa conceituada na Standard & Poors 500, está presente em mais de 100 países, representando 90 por cento da população mundial. Para mais informações, visite www.nielsen.com http://www.nielsen.com/> .  

CONTACTO:

Ana Paula Barbosa, +35 121 781 12 00 [email protected]

Pablo G. Domenech, +34 91 576 05 88, [email protected]