Pular para o conteúdo
Insights > Digital e tecnologia

Jovens e Celulares Uma Visão Global dos Celulares e da Juventude

1 minuto lido | Dezembro 2010

O novo whitepaper da Nielsen sobre Jovens móveis ao redor do mundo revela que a maioria dos jovens com telefones celulares escolheu seu próprio aparelho. Na verdade, em todos os países pesquisados, apenas 16% dos jovens relataram que seus pais escolheram seu telefone celular. O preço foi a consideração mais comum entre os jovens na seleção de um telefone celular, embora isso também seja verdade entre outras faixas etárias. Os jovens de 15 a 24 anos em todos os países pesquisados colocaram o preço como o primeiro motor de compra, com exceção dos jovens russos, dos quais 21% colocaram o design/estilo em primeiro lugar. (Alguns adultos também se preocupam com o design. Cerca de 14% dos adultos brasileiros dizem que o design/estilo é a consideração mais importante, em comparação com 7% dos adultos americanos).

mobile-youth-choice

preço -móvel-jovem

De todos os países examinados, a Itália lidera em penetração de smartphones, com 47% dos jovens de 15 a 24 anos possuindo um smartphone, em comparação com 31% dos adultos acima de 25 anos. A penetração dos smartphones entre os jovens europeus é em média de 28% nos países pesquisados, enquanto a penetração entre os adultos mais velhos na Europa é de 27%. Vinte e oito por cento dos assinantes de telefonia móvel dos EUA possuem smartphones. A juventude nos Estados Unidos excede em 5% a penetração média da população de smartphones.

Todos os países tendem a enviesar os homens na adoção de smartphones com uma notável exceção, os EUA, onde 55% dos usuários de smartphones com idade entre 15 e 24 anos são do sexo feminino. Na população geral de smartphones dos EUA, 55% eram do sexo masculino.

smartphone-male-fêmea