Em busca da conveniência

FMCG e Varejo | 12-09-2018

A crescente penetração da Internet, centros urbanos mais densos, estilos de vida mais acelerados e horas de trabalho desafiadoras acrescentam cada vez mais níveis de complexidade à vida do consumidor.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, “o estresse no local de trabalho é a epidemia do século XXI”, e várias agências vêm acompanhando o constante aumento das doenças relacionadas à ansiedade em todo o mundo. Os consumidores se sentem mais exigidos do que nunca e estão se esforçando cada vez mais para obter soluções convenientes que ajudem a simplificar suas vidas agitadas.

Em todo o mundo, eles precisam e buscam conveniência em todas as suas formas - seja simplicidade, economia de tempo ou adequação. Em se tratando de bens de consumo de alto giro (FMCG), a conveniência não inclui apenas formatos de lojas, produtos ou embalagens. Significa mais do que as últimas tecnologias ou novas estratégias de engajamento. Ao contrário, envolve cada encontro, interação e ação que pode ajudar a atender a crescente demanda dos consumidores por eficiência.

A conveniência envolve cada encontro, interação e ação que atenda à crescente demanda do consumidor por eficiência.

O relatório Nielsen “Em Busca da Conveniência” analisa as necessidades dos consumidores em todo o mundo, concentrando-se especificamente em fatores que aumentam a necessidade de conveniência, para oferecer insights, indicadores e soluções aos principais fornecedores globais de bens de consumo de alto giro, a fim de tirar proveito da crescente ne cessidade de conveniência.